Tinder cria ‘botão do pânico’ para ajudar em encontros perigosos

O Tinder vai ajudar seus usuários em encontros que acabam se mostrando perigosos. A empresa anunciou nesta quinta-feira (23) que vai disponibilizar para os americanos um “botão do pânico” que vai emitir um alerta caso algo dê errado no date.

Será possível optar, dentro do Tinder, pelo aplicativo de segurança pessoal Noonlight, que conecta os usuários a pessoas treinadas que avisam as autoridades em nome da pessoa que está em perigo.

O recurso também será oferecido aos usuários na Grã-Bretanha, França e Alemanha e será trazido para outros locais ao longo de 2020.

A Match Group, empresa criadora do Tinder, também vai oferecer um sistema de verificação de fotos, em que os candidatos a um date vão enviar fotos posadas em tempo real. Todas essas pessoas receberão um selo de autenticação. Esse recurso está sendo testado e deve ficar disponível a partir do fim do ano.

Do Metro