Carnaval começa no próximo domingo na Capital

O ano mal começou e já foi dada a largada para o Carnaval de São Paulo. A partir do próximo dia 12 de janeiro os blocos começam a realizar o pré-carnaval. Com mais de 600 blocos, entre oficiais e não oficiais, o que não faltam são opções para cair na folia. A programação segue até o dia 1º de março.

Em 2019, foram 516 blocos de rua e 556 desfiles para cerca de 14 milhões de pessoas no total, entre pré e pós Carnaval. Este ano, a expectativa é que o número seja ainda maior, já que a prefeitura recebeu inscrição de 865 blocos para 960 desfiles em todas as regiões da cidade, chegando às 32 subprefeituras. A Secretaria de Cultura ainda realiza uma triagem nas inscrições e não divulgou um cronograma oficial.

“A cidade já é um destino de muitos turistas do Brasil e do mundo, além dos próprios paulistanos que deixam de viajar para outros lugares para curtir a festa aqui. Nossa festa é a cara da cidade, construída pela tradição cultural dos blocos de São Paulo nos últimos anos, no modelo de carnaval livre, democrático, descentralizado e organizado que está se tornando referência, com artistas da cidade e de todo o País. Em 2020, teremos um Carnaval maior, mais espalhado pelas regiões e com trajetos descentralizados”, diz o secretário municipal de Cultura, Alexandre Youssef.

Apesar de não ter um cronograma oficial, a Gazeta listou os blocos que já divulgaram sua pré-programação. O primeiro a abrir os trabalhos na Capital será o Bloco Ilú Inã, no dia 12. O esquenta será no Estúdio Bixiga, na rua Treze de Maio, 825, na Bela Vista. O ingresso custa R$ 20.

Já no dia 17, o Bloco Ilú Obá de Min realiza o seu ensaio às 20h30 na Casa Natura Musical, rua Artur de Azevedo, Pinheiros. O ingresso também custa R$ 20. No dia 18 o tradicional Monobloco realiza um ensaio na Audio Club, na avenida Francisco Matarazzo, Barra Funda. O ingresso custa R$ 30.

No dia 25 é a vez de um dos blocos mais aguardados em São Paulo, o Bloco da Preta. Criado no Rio de Janeiro, o bloco realiza um esquenta na Audio Club, a partir das 22h.

Já o Fabuloso Bloco Amélie Pulando será no dia 15 de fevereiro, na rua Vupabussu, em Pinheiros. A concentração será às 14h.

Um dos maiores blocos carnavalescos da cidade, o Acadêmicos do Baixo Augusta desfilará no dia 16 do próximo mês. A concentração também é às 14h, na esquina da avenida Paulista com a rua da Consolação. Em 2019, o bloco levou cerca de 1 milhão de pessoas para as ruas.

Ensaios no Anhembi começam no dia 10

Os amantes das escolas de samba também terão uma programação especial neste mês. A partir do dia 10 de janeiro, as 34 escolas de samba terão a chance de testar quesitos e rascunhar o desfile oficial no sambódromo do Anhembi, na avenida Olavo Fontoura, 1209. Os ensaios técnicos acontecerão de quinta a domingo. Serão mais de 70 ensaios abertos ao público, com entrada gratuita.

No dia 10, os ensaios começam a partir das 21h45, com as escolas Estrela do Terceiro Milênio e Camisa Verde e Branco.

No dia seguinte, ensaiam as escolas Leandro de Itaquera, Uirapuru da Mooca, Mocidade Alegre, Unidos de Vila Maria e Flor de Vila Dalila. Os ensaios começam às 18h. No domingo, dia 12, ensaiam a partir das 19h15 Pérola Negra e Independente Tricolor.

As escolas Torcida Jovem e Morro da Casa Verde ensaiam no dia 16 de janeiro. Na sexta-feira, dia 17, os ensaios começam a partir das 20h30. Nesse dia o sambódromo recebe Dom Bosco de Itaquera, Colorado do Brás e a tradicional Imperador do Ipiranga. Os ensaios seguem até o dia 14 de fevereiro. A programação completa pode ser acessada no site ligasp.com.br.

Neste ano, os desfiles oficiais das escolas de samba acontecem no dia 21 e 22 de fevereiro. Os ingressos já podem ser comprados no site www.ingressosligasp.com.br.

 

Da Gazeta de SP