Biometria: 2019 se encerrou e apenas 54% dos eleitores de Cotia fizeram cadastramento

Apesar da campanha em massa da Justiça Eleitoral em 2019, convocando pessoas de todo o país a realizarem o cadastramento biométrico, há casos de muitas cidades onde a adesão ainda é baixa, principalmente naquelas onde não haverá uso do sistema nas eleições de 2020, como em Cotia.

Segundo o TRE – Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo, algumas cidades que terão a obrigatoriedade, 97% dos eleitores estão quites com a Justiça.

Em Cotia ainda não teremos biometria obrigatória em 2020 e, talvez por este motivo, pouco mais de 50% dos eleitores procuraram os dois cartórios eleitorais da cidade para se cadastrar.

O levantamento feito pelo Jornal Cotia Agora mostra que 54,31% dos eleitores da cidade coletaram os dados, ou seja, 93.350 dos 171.886 eleitores cotianos.

Documentos necessários

A Justiça Eleitoral pede para que os eleitores da cidade antecipem o cadastramento biométrico, para não deixar para a última hora na época que foi obrigatório. Para ser atendido, o eleitor deve levar: documento oficial de identificação (RG, carteira de trabalho, carteira profissional emitida por órgão criado por lei federal, certidão de nascimento ou de casamento); comprovante de residência (contas de água, luz, telefone, celular, bancárias etc., desde que contenham nome e endereço e sejam recentes com menos de três meses de emissão); e título eleitoral, caso o tenha.

Os cartórios eleitorais de Cotia são:
-227ª Zona Eleitoral: Rua Jorge Caixe, 306 – Prédio do Cesep – Portão (Inclui moradores do Centro até o Km 21)

-286ª Zona Eleitoral: Avenida Professor Joaquim Barreto, 710 – Granja Carolina (Inclui moradores entre o Centro de Cotia e Vargem Grande Paulista.

-Posto de Atendimento Biométrico de Vargem: Rua Mário Scarvance, 142 – Centro.

Por Sam Ávila – Repórter de política do Jornal Cotia Agora