Roubos a banco crescem 44% no estado, mas Cotia não tem nenhum caso há quase quatro anos

O número de roubos a bancos no estado de São Paulo aumentou 44% entre janeiro e outubro deste ano. De acordo com dados estatísticos da Secretaria da Segurança Pública, o aumento foi de 16 para 23 ocorrências entre 2019 e este ano.

O Jornal Cotia Agora fez um levantamento sobre Cotia e em nossa cidade o último caso de roubo a banco foi em janeiro de 2017. De lá para cá, nenhum caso foi registrado, apenas de tentativa de roubo a caixa eletrônico, mal sucedidas.

Antes de 2017, a cidade também ficou muitos anos sem registrar nenhum caso deste tipo de crime.

Chama a atenção de especialistas o fato de esse tipo de crime não ter caído nem mesmo durante a pandemia do coronavírus no restante do estado, contrariando o observado em uma série de outros indicadores criminais. Os roubos a bancos saltaram de 11 para 13 entre abril a outubro deste ano em relação ao mesmo período de 2019, o que representa uma alta de 18%.

Os roubos a banco se tornaram uma preocupação de autoridades de segurança não apenas do estado de São Paulo em razão dos recentes ataques no país realizados por quadrilhas fortemente armados, que levaram terror a cidades do interior paulista e de estados como Santa Catarina e Pará.

Os ataques a bancos só são registrados como roubos quando há por parte dos criminosos o emprego de violência ou grave ameaça às vítimas. Casos em que agências são alvo de explosões, sem que haja vítimas rendidas, como não é raro em ocorrências de explosões de caixas eletrônicos, são registrados como furto qualificado.

Da redação com G1