Rock in Rio 2017 pode ser o último no Brasil

Roberto Medina, idealizador do Rock in Rio, comentou que a edição 2017 do RiR pode ser a última no Brasil.

Em entrevista à Veja Rio, o empresário abordou a situação política carioca, e confessou que “[…] se nada mudar neste país, esse será o meu último Rock in Rio. Não faz sentido ficar aqui”. Medina ainda negou a possibilidade de levar o evento de vez para Portugal, local onde o festival tem sido recebido com entusiasmo pelo público. “[…] não é para ir para Portugal, é para sair daqui”.

Medina destacou também que uma das formas de tirar o Rio de Janeiro “do buraco” é fazer investimentos no turismo. “Um estudo recente da Fundação Getulio Vargas revelou que o Rock in Rio injeta 1,2 bilhão de reais na economia. A mesma pesquisa mostra que, se você acrescentar um dia à permanência dos turistas no Carnaval e no réveillon e montar um calendário estruturado de eventos, nossa receita anual com turismo pode aumentar em 20%, coisa de 6,5 bilhões de reais”, destacou.

O Rock in Rio 2017 acontece entre os dias 15 e 24 de setembro, no Parque Olímpico do Rio de Janeiro.

Por Jacídio Júnior – Omelete