Produtores culturais de Cotia podem se inscrever em projeto nacional até domingo

As inscrições para o primeiro edital no Brasil exclusivo para produtores culturais de municípios do interior continuam abertas até 17 de abril.

O objetivo do edital do Instituto CCR, organização sem fins lucrativos que gerencia os investimentos do Grupo CCR em sustentabilidade, é promover a produção cultural descentralizada das grandes capitais e fomentar a criação artística local, movimentando a economia criativa nos municípios no entorno das Unidades de Negócio administradas pelo Grupo CCR.

Podem ser inscritos projetos aprovados no artigo 18 da Lei Rouanet, do Ministério da Cultura. As áreas contempladas são artes cênicas, audiovisual (não poderão participar projetos aprovados no artigo 1A da Lei do Audiovisual, que é regulamentada pela Ancine), música, artes visuais, patrimônio cultural, artes integradas (cultura popular, multimídia) e humanidades (bibliotecas, edição de livros, filosofia).

Os proponentes de Cotia devem ter seu CNPJ cadastrado na cidade.

O valor total do investimento é de R$ 2 milhões, sendo que cada projeto poderá ser apoiado em até R$ 200 mil. Dessa forma, haverá no mínimo dez projetos contemplados. Não é necessário que esse valor represente o montante integral do projeto.

Desde a abertura das inscrições, em 9 de março, cerca de 50 projetos já tiveram a inscrição efetivada. Também houve o cadastro de mais de 460 instituições, que, dessa forma, podem participar de futuros editais do Instituto CCR.

Os pré-requisitos para participar do edital são:

  • Inscrição dos projetos apenas pelo sistema online (no site http://www.institutoccr.com.br/editais)
  • Os proponentes devem ser pessoas jurídicas sediadas nos municípios de atuação do Grupo CCR, com exceção das capitais;
  • Os projetos devem estar aprovados pela Lei Rouanet, artigo 18, e publicados em DOU (Diário Oficial da União) até a data de abertura do edital.