Prefeitura de São Paulo pode cobrar Zona Azul de moto

A prefeitura de São Paulo anuncia que está em estudo a cobrança do estacionamento nas vagas específicas para motocicletas nas áreas denominadas Zona Azul, que estão disponíveis em vários pontos de grande circulação na cidade.

A cobrança de Zona Azul para motos pelo prefeitura de São Paulo faz parte de um projeto de mudanças no sistema, pela CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) e (Secretaria Municipal de Transportes), com o pagamento eletrônico do serviço.

A implementação do sistema eletrônico visa combater fraudes e o motorista e o motociclista poderão fazer o pagamento pelo uso da vaga de estacionamento na Zona Azul por meio de um aplicativo de celular, ainda em fase de desenvolvimento.

A cobrança de motos em vagas de estacionamento rotativo vem sendo aplicada em cidades do interior do Estado de São Paulo, como Araçatuba, Taubaté e Ibiúna, e em municípios de outros Estados, como Minas Gerais e Paraná. Atualmente, a tarifa da folha de Zona Azul na cidade de São Paulo custa R$ 5. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

Foto: Sylvio Junior/Infomoto