Polícia Civil prende gerente do tráfico em Cotia

Policiais civis de Barueri prenderam o traficante Abraão César de Arruda, conhecido como Bronx, após uma investigação que durou três meses. A prisão se deu em um bairro de Cotia em cumprimento de um mandado de busca e apreensão. Foram encontrados no local três tijolos de maconha, celulares, um revólver e anotações em cadernos relativos ao tráfico.

A ação dos investigadores começou há três meses, após a instauração de um inquérito policial para investigar membros do PCC que estariam agindo na região e realizando a distribuição de drogas aos pontos de vendas. Por meio de escutas telefônicas, foi possível captar vários diálogos entre os criminosos, o que resultou no mandado de busca e apreensão.

Os policiais fizeram uma diligência até a casa de Bronx, em Cotia. Ao chegar, encontraram vários familiares do suspeito e antes que pudessem entrar na residência, Bronx, alertado pelas conversas, fugiu do local pulando uma janela de uma altura de seis metros, se embrenhando pelo terreno e pulando um muro.

Foi realizado um cerco policial na área que culminou com a prisão do traficante que estava escondido em uma casa vizinha, debaixo de vários cobertores. Foram apreendidos três tijolos de maconha, quatro celulares, um revólver Taurus calibre 38, com seis cartuchos deflagrados e cadernos e folhas com anotações. No quintal da residência, foi encontrado um cano de PVC enterrado que era usado como esconderijo de entorpecentes.

Bronx foi levado ao pronto-socorro para ser medicado devido à lesão sofrida na queda após saltar da janela. Posteriormente, foi encaminhado ao 1º DP, onde foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e porte ilegal de armas, e conduzido à Cadeia Pública de Cotia.

Do Barueri na Rede