Polícia Ambiental deflagra operação Demanda Zero em Cotia

Nesta segunda-feira (30) a Polícia Militar Ambiental esteve em Cotia realizando a operação Demanda Zero, visando atender denúncias relacionadas ao desrespeito à legislação ambiental, como, por exemplo, o desmatamento e aprisionamento de animais silvestres.

Antes da operação, o comandante Alberto Malti esteve com o prefeito Rogério Franco em seu gabinete.
Após a visita, o prefeito acompanhou o coronel em um sobrevoo à barragem do Morro Grande.
A fiscalização em Cotia e em outras seis cidades, entre elas Vargem Grande Paulista, Embu das Artes e Itapecerica da Serra é feita por 40 policiais do 3º Pelotão da 2ª Companhia, cuja sede fica em Embu das Artes.

Segundo o coronel, em comparação com outras cidades, Cotia não tem apresentado tantos problemas com a questão dos desmatamentos. “Hoje a preocupação maior na região é em Embu. Aqui em Cotia é mais pontual.”

No ano passado, a Polícia  Ambiental registrou cerca de 500 ocorrências em Cotia, das quais aproximadamente 50 relacionadas à fauna (animais em cativeiro) e as demais envolvendo desmatamentos.
A pessoa que desrespeita a legislação ambiental está sujeita a penas que vão de uma simples notificação a multa e até prisão, de acordo com a gravidade do caso. O telefone da base da Polícia Militar Ambiental de Embu das Artes para denúncias e informações é o 4785-6170. Na Secretaria
de Meio Ambiente e Agropecuária de Cotia é o 0800-8781100.

A PM não divulgou até o momento o balanço da operação.