PM prende na região mulher que iria vender 19 macacos

A Polícia Militar Ambiental prendeu uma criminosa que traficava animais silvestres em Embu das Artes.
Os policiais chegaram até o local através de uma denúncia anônima, que citava que no local haveria diversas espécies de animais sendo comercializados, através de levantamento, monitoramento e apoio do serviço de inteligência.

No local, foram localizados 19 primatas, dos quais 2 eram mico-leão-dourado, 2 macaco-prego, além de 15 sagui (do tufo preto, branco e híbrido). Foram localizados ainda cadernos com registros e contabilidade de comércio de macacos, notas fiscais falsas, microchip e seringas.

A infratora, indagada sobre a denúncia e os animais que ali se encontravam, passou a delatar demais cativeiros e traficantes clandestinos conhecidos por ela, inclusive uma rede fechada através de grupos e rede sociais.
Ela foi conduzida para a Delegacia de Polícia de Investigações Sobre o Meio Ambiente, onde foi autuada pelos crimes de cativeiro e comércio de animais silvestres, além de maus tratos. Os animais foram encaminhados para o Parque Ecológico do Tietê.
Foram lavrados quatro Autos de Infração Ambiental, cujos valores somados foram de R$ 34.500,00.