Morreu, aos 55 anos, o músico Kiko Star, cidadão cotiano

Uma notícia que abalou Cotia nas últimas horas. O músico Kiko Star, morador antigo de Cotia, morreu aos 55 anos nesta quarta-feira (22).

Kiko era figura conhecida, principalmente no cenário musical da cidade. Lá no início dos anos 80 ele ficou conhecido por imitar Michael Jackson em festas, nas ruas e depois em programas de TV, como Raul Gil, Bolinha, entre outros.

Em 1985, na ocasião do lançamento de USA for África, onde músicos americanos gravaram uma música e vídeo clip em prol das vítimas da fome no continente africano, virou moda pessoas fazerem o mesmo, ou seja, juntar os amigos e dublar os americanos em programas de TV.

Kiko reuniu amigos, principalmente do Atalaia e montou seu USA for África made in Cotia e se apresentou na TV. Com o passar dos anos Kiko investiu em sua carreira de cantor e ainda nos anos 80 lançou um EP, um disco de vinil com duas músicas.

Daí passou a fazer apresentações em Cotia e região, às vezes dublando ou em play back e depois com bandas. Kiko casou e teve filhos, que ele, fã de rock, acabou homenageando seus ídolos, colocando os nomes de Raul Presley, Janis Joplin, Jimmy Hendrix e Avril Osbourne.

Tocou com vários músicos em diversas bandas da cidade e adorava nos últimos anos se apresentar ao lado dos filhos. Kiko sempre animava os locais onde chegava, com seu jeito alegre e falastrão.

Estava com problemas de saúde e se tratando, mas nesta quarta-feira nos deixou. Ele foi velado e enterrado no Cemitério Bosque da Paz, em Vargem Grande Paulista.