DER abre licitação para novos radares ‘dedo-duro’ nas estradas de SP

Radares que leem placas de veículos não são usados desde abril. Valor do contrato é de R$ 19,9 milhões.

O DER – Departamento de Estradas de Rodagem publicou neste sábado (19), no “Diário Oficial do Estado de São Paulo”, um edital para licitação da compra de 220 radares eletrônicos capazes de ler as placas dos veículos, para serem instalados nas rodovias estaduais paulistas. Os chamados “radares dedo-duro”, com tecnologia OCR, não são usados desde abril, quando venceu o contrato com a empresa operadora.

O valor da licitação é de R$ R$ 19.924.826,86, com prazo de 15 meses e incluem ainda outros equipamentos  para “utilização de soluções integradas de tecnologias apropriadas”.

Os envelopes com as propostas das empresas interessadas na licitação serão recebidos até 16 de fevereiro de 2016.

Do G1