Combinar energético e álcool pode dar traumatismo craniano

O consumo de energéticos, especialmente quando combinados a bebidas alcoólicas, é tema de um alarmante estudo. Uma pesquisa, publicada no diário científico PLOS ONE, revelou que os adolescentes que tiveram traumatismo craniano no último ano  tinham consumido energéticos antes do incidente. Metade desse número ingeriu a bebida com vodka ou uísque.

Essa é a primeira vez que energéticos e bebidas alcoólicas são diretamente ligados a uma lesão tão grave na cabeça quanto esta. O traumatismo craniano pode provocar sequelas cognitivas, emocionais e físicas.

Lesões cerebrais são particularmente preocupantes em adolescentes porque o cérebro deles ainda está se desenvolvendo. “Embora não possamos dizer que esta ligação é causal, é um comportamento que poderia causar traumas maiores e, portanto, deveríamos observar esta relação mais de perto em pesquisas futuras”, disse o Dr. Robert Mann, um dos coordenadores da pesquisa, em entrevista ao site ‘CTV News’.

De acordo com os pesquisadores, a cafeína dos energéticos pode interferir na recuperação dos adolescentes.

Do Yahoo