Cidades de Cotia e Osasco registraram 749 mortes por AVC

Cerca de 750 pessoas morreram nas cidades de Cotia e Osasco nos últimos dois anos, vítimas de AVC – Acidente Vascular Cerebral. Os dados foram repassados pelas prefeituras da região a pedido do Giro S/A.

Nos últimos dias a Sociedade Brasileira de Neurocirurgia promoveu a divulgação da Semana de Combate ao AVC. Em 2015 Osasco registrou 324 mortes e outras 323 em 2016. No mesmo período Cotia registrou, 61 e 41 mortes.

O AVC é provocado pelo entupimento ou o rompimento dos vasos que levam sangue ao cérebro. Isso causa a paralisia da área do cérebro que ficou sem circulação adequada do sangue.

Segundo o neurologista e neurocirurgião do Hospital Antônio Giglio de Osasco, Santino Locanna, a prevenção é fundamental para a redução dos casos graves e morte por AVC. “A prevenção é primordial e pode evitar óbitos e sequelas da doença. É preciso controlar colesterol, obesidade, evitar sedentarismo e consumo excessivo de álcool”, explica.

Entre os sintomas estão a paralisia súbita de braços e pernas, alteração de sensibilidade e dor de cabeça constante. Ainda não há um índice oficial de casos em 2016 e 2017.

Por Gustavo Vilela – Giro S/A