Baixista Peter Tork, do The Monkees, morre aos 77 anos

O baixista e tecladista do The Monkees, Peter Tork, morreu nesta quinta (21), aos 77 anos. A página oficial do músico no Facebook confirmou a notícia:

“É com coração partido e pesado que compartilhamos a triste notícia de que nosso querido amigo, mentor, professor e uma incrível alma, Peter Tork, deixou este mundo”.

A confirmação não divulgou a causa da morte de Tork, mas o músico sofria de uma forma de câncer na língua, diagnosticado em 2009.

Tork (na foto, ele atualmente e nos anos 60) começou tocando baixo no The Monkees mas alternava entre guitarras e teclados além de cantar.

A banda americana dos anos 60 se formou por um programa de TV e aproveitou a onda de sucesso de The Beatles. O grupo vendeu mais de 75 milhões de discos ao redor do mundo e colecionou hits como “I’m a Believer”, “Last Train To Clarksville” e outros.

Tork lançou um álbum solo em 1994, intitulado Stranger Things Have Happened.

Por Julia Sabbaga – Omelete